Últimas Postagens
Loading...
dezembro 23, 2011

Simplesmente uma data. Inventada ou não, ela exerce um grande poder dentro das pessoas, mas, por quê?
Não nos interessa saber se Jesus realmente nasceu nesse dia, o importante é que Ele nasceu, e que ninguém no mundo teve o poder de separar a história em duas etapas como Ele fez. Mas, quem foi esse Homem?

Esse Homem separou a história, mas não separou as pessoas. Esse Homem poderia ter julgado, mas não julgou ninguém. Esse Homem tinha poder suficiente para fazer descer à Terra todas as falanges de anjos, a lutar  contra seus supostos inimigos. Mas não o fez! Esse Homem amou a todos sem distinção, do mais pobre ao mais rico, do mais enfermo ao mais saudável, do mais humilde ao mais avaro, do mais fraco ao mais forte. Amou o que menos sabia, como também amou o mais sábio.

Esse Homem amou as mulheres e crianças, amou os animais, respeitou a natureza, e respeitou as leis dos homens. Poderia ter vivido como rei, mas preferiu ser um verdadeiro Rei. Esse Homem quebrou regras e paradigmas, e por isso O condenaram. Viveu nesse mundo, mas permaneceu no Seu mundo. Acreditou e Se fez acreditar, e essa crença curou muitos. Enfim, esse Homem mudou o mundo, ou pelo menos tentou mudá-lo. E nessa tentativa de mudar o mundo, nunca obrigou ninguém a nada, sempre respeitou a individualidade e o estágio evolutivo de cada um, pois sabia o que era realmente o significado da palavra Eternidade.

Jesus não promoveu guerras entre povos, contudo provocou e provoca ainda hoje um outro tipo de batalha, a batalha interior, individual  e incansável. Jesus não erigiu nenhum templo de pedra, nem denominou religião alguma, a não ser a verdadeira, chamada Lei do Amor. E essa lei ainda está muito além da compreensão humana.
Talvez seja por tudo isso que essa data mexe tanto com todos nós. Talvez seja pelo fato de lembrarmos da nossa pequenez, diante de um Ser tão sublime.

Que esse Natal tenha como meta a reflexão sobre o mundo atual, sobre nós mesmos, e nossos atos.
Texto: Geraldo Ráiss




O Autor do Blog
Geraldo Ráiss Geraldo Ráiss, criador e editor do Blog, estudou Administração de Empresas, autodidata, tem como hobbie escrever poemas e romances. Apreciador da boa música e das artes, e claro, criar artigos para o Blog.