Últimas Postagens
Loading...
agosto 31, 2011

Estudos realizados na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, comprovam o que há muito tempo a medicina alternativa já sabia, nossa imunidade tem ligação direta com algumas sensações experimentadas no dia a dia. Isso não quer dizer evidentemente que todas as doenças partem desse princípio, contudo pode-se concluir que muitas delas são geradas em circunstâncias adequadas de baixa imunidade.

Todos nós atualmente, em especial as pessoas que vivem em grandes metrópoles, são obrigadas a conviver dentro de uma enorme exposição a tais sensações, como por exemplo, o medo, a insegurança, competição, a dúvida em relação a um futuro próximo, e tantas outras situações. Eu poderia citar aqui inúmeros motivos que contribuem para uma espécie de cansaço mental, porém o medo, acredito eu, é o maior vilão.
Temos medo de tudo, se vamos a um restaurante há a probabilidade de sermos assaltados, como tem acontecido frequentemente na cidade de São Paulo, o mesmo pode acontecer em uma praia qualquer, os arrastões, sem contar a parada obrigatória nos faróis. Por incrível que possa parecer hoje em dia temos medo até de atender a uma chamada telefônica.

Toda essa contribuição negativa, não tenha dúvida, só acaba gerando um nível de estresse altíssimo, e em conseqüência desse estresse adoecemos. Não é raro hoje em dia encontrarmos pessoas com reclamações semelhantes, do tipo enxaquecas, cansaço físico, dores nas costas, estado gripal freqüente, e muitos outros sintomas, e isso quer dizer o quê? Não quer dizer nada além de um pedido de socorro do nosso corpo, entretanto a vida está muito corrida, o tempo tem passado rápido demais, e assim “vamos levando”, até que um dia não suportamos mais o fardo, e sucumbimos. O corpo avisou que poderia não agüentar, mas as circunstâncias da vida atual nos impediu de socorrê-lo.

E o que fazer diante desse quadro recorrente, o que fazer, se ao sintonizarmos qualquer canal de televisão para assistirmos ao telejornal, nos deparamos tão somente com notícias trágicas? Além, é claro, do alto grau de corrupção que assola o país?  Eu não saberia responder, acredito que cada um de nós tem de encontrar nossos próprios mecanismos de defesa, e isso vai depender da maneira como é resolvida toda essa questão intimamente, pois não podemos esquecer que o nosso sistema imunológico está alerta.
Algumas dicas importantes são dadas pelos profissionais da saúde corporal e mental, tais como, atividade física, relacionamento social ativo, lazer, boa alimentação, tudo isso auxilia na expulsão do estresse diário, além de outra dica importantíssima, ter prazer com o que nos propusermos a fazer em relação ao trabalho. Quem sabe assim conseguimos sobreviver ao caos planetário.

1 comentários:

  1. Geraldo,
    Matéria muito apropriada para os dias de hoje. As pessoas nem têm tempo de ver o mal que estão fazendo a si mesma (auto-sabotagem). Tudo, atualmente, que venha para o nosso bem, devemos prestar a máxima atenção.
    A nossa saúde depende de nós.
    Parabéns! Espero que as pessoas entendam a dimensão do seu esclarecimento.

    ResponderExcluir

Atenção. Os comentários no Blog estão temporariamente sem moderação. Não use frases racistas, discriminatórias, contra etnias, ou palavras que incitem à violência. Esse é um blog de entretenimento, comentários devem ser feitos, mas seja educado. E, por favor, não faça spam. Obrigado.