Últimas Postagens
Loading...
maio 26, 2012


Youtube
Didático|

No universo musical da atualidade (leia-se: mais ou menos 15 ou 20 anos), compor uma música se tornou uma tarefa não tão difícil, como era antigamente (leia-se: mais ou menos Anos 70, 80, e início dos 90).




Os ritmos mais dançantes passaram a ser compostos por programas de computador, e o sucesso se garantiu. A exceção ficou por conta de alguns (os mais “antigos”) como Michael Jackson, por exemplo. De resto, a maioria das harmonias se tornou responsabilidade do computador.

No Brasil, bem, acho que não é preciso repetir o que eu já escrevi em outras postagens, a música brasileira, que antigamente era tão rica em todos os aspectos, harmonia, poesia e ritmo, digamos que, adoeceu. E eu me pergunto: “será que há possibilidade de melhora?” Creio que não mais.

Não vou me tornar nostálgico mais uma vez citando Chico Buarque, Gil, Djavan, Caetano, Tom Jobim (falecido), Sueli Costa, Ivan Lins, e tantos outros que sumiram da cena musical brasileira. Não. Cada um tomou um rumo diferente, e não era para menos, já que o cenário se modificou completamente.
Dirão alguns que isso é o progresso, a inovação, o futuro, tudo bem, não vou discutir (gosto não se discute, e pronto). Resumindo, nossa Música Popular Brasileira hoje é outra, ponto final.
Uma pequena observação, em tempo: Nem tudo está perdido, ainda temos gente como Zeca Baleiro, Seu Jorge, Ana Carolina, Adriana Calcanhoto, por exemplo, e alguns outros...

Mas, se você por acaso resolver se arriscar a compor uma canção qualquer dia desses, não titubeie, siga à risca as dicas do autor desse vídeo, e tenha certeza de que sua música será um sucesso (mesmo que seja passageiro, e que se pareça com alguma outra por aí. Afinal, quem vai ligar para esse detalhe?). Boa sorte, e curta o vídeo, que por sinal é ótimo.




O Autor do Blog
Geraldo Ráiss Geraldo Ráiss, criador e editor do Blog, estudou Administração de Empresas, autodidata, tem como hobbie escrever poemas e romances. Apreciador da boa música e das artes, e claro, criar artigos para o Blog.