Últimas Postagens
Loading...
setembro 09, 2011


Animação de imagens captadas pelas lentes do telescópio solar Stereo-B entre os dias 14 e 26 de agosto de 2011 mostra que o cometa C/2010 X1 Elenin está de fato perdendo seu brilho. O novo vídeo confirma as observações feitas por telescópios terrestres que mostram que o cometa está realmente se desintegrando no espaço.










Nas imagens, captadas pelo imageador heliosférico Secchi-HI 2, o cometa aparece como um pequeno ponto que surge no canto esquerdo, próximo ao Sol e cruza praticamente todo o campo de visão do instrumento. As imagens foram obtidas com técnicas que diminuem o brilho de estrelas e destaca objetos como cometas e asteroides. Pelos registros fica nítido a diminuição do tamanho de C/2010 X1 Elenin.
Observações feitas pelo astrônomo australiano Michael Mattiazzo no dia 6 de setembro também revelam pouca alteração no brilho do material cometário ao se comparar com imagens tomadas um dia antes. No entender de Mattiazzo, o núcleo de Elenin está se desintegrando e não deverá resistir ao periélio (maior aproximação com o Sol) no dia 10 de setembro.


 
Mattiazzo estima que o brilho de C/2010 X1 Elenin seja de 8.5 magnitudes, mais brilhante que o calculado pelo JPL, Laboratório de Propulsão a Jato, da Nasa. Segundo o órgão, o brilho de Elenin é de 10.5 magnitudes, mas esse valor não encontra eco entre observadores amadores.
Agora, a maior expectativa é esperar que os fragmentos do cometa entrem no campo de visão do telescópio solar Soho, o que deve ocorrer no próximo dia 23 de setembro. Os resultados dessa observação deverão determinar como o cometa se apresentará no perigeu em outubro, quando o objeto deverá atingir a menor distância com a Terra, a 35 milhões de quilômetros.



Apolo11.com - Todos os direitos reservados